A Sociedade    |    Palavra do Presidente    |    Oftalmologistas Sócios    |    Sociedades Filiadas    |    Leis e Normas    |    Glossário    |    Recomendações
IMPRENSA


Semana Mundial do Glaucoma: de 11 a 17 de março de 2012

A partir deste ano, o Dia Mundial do Glaucoma foi estendido para uma "Semana Mundial do Glaucoma", que será de 11 a 17 de março de 2012, quando entidades de todo o planeta promoverão atividades com o objetivo de conscientizar a população sobre a doença, segunda causa de cegueira em todo o mundo.

Estima-se que no Brasil cerca de 1 milhão de pessoas sejam portadoras de glaucoma, embora o número possa ser bem superior, devido ás dificuldades de detecção no interior do país.

Na cidade do Rio de Janeiro as principais atividades serão nos dias 11 e 15 de março, na quadra da Escola de Samba Acadêmicos da Rocinha e no Hospital Federal dos Servidores do Estado, respectivamente, quando haverá a verificação da pressão intraocular por médicos oftalmologistas, com o objetivo de identificar possíveis portadores de glaucoma, os quais receberão encaminhamento para hospitais públicos.

A Campanha de Prevenção e Detecção do Glaucoma no Rio de Janeiro é uma realização da Prefeitura do Município do Rio de Janeiro, Abrag-Rio (Associação Brasileira dos Amigos, Familiares e Portadores de Glaucoma), SBO (Sociedade Brasileira de Oftalmologia) e Lions Clube, com apoio do Grêmio Recreativo da Escola de Samba Acadêmicos da Rocinha e HSE (Hospital Federal dos Servidores do Estado).

O que é o Glaucoma?

Glaucoma é um grupo de doenças dos olhos que causa dano progressivo ao nervo ótico no ponto onde ele deixa o olho para transportar informações visuais para o cérebro. Se não forem tratados, a maioria dos tipos de glaucoma (sem aviso nem sintomas óbvios para o paciente) avança e gradualmente agrava os danos visuais, podendo levar à cegueira. Uma vez ocorrido, o dano visual é na maioria das vezes irreversível, o que tem levado o glaucoma a ser descrito como a "doença silenciosa que cega" ou o "ladrão furtivo da visão".

O glaucoma é a segunda maior causa de cegueira em todo o mundo. Estima-se que, globalmente, 4,5 milhões de pessoas são cegas devido ao glaucoma e que este número aumentará para 11,2 milhões até 2020. Vale a pena notar que devido ao avanço silencioso da doença – pelo menos nos estágios iniciais – até 50% das pessoas afetadas nos países desenvolvidos não estão nem mesmo cientes de que têm glaucoma. Este número pode aumentar para 90% em locais subdesenvolvidos ao redor do mundo.

Há vários tipos de glaucoma. Alguns podem ocorrer como uma complicação de outras doenças visuais (os chamados glaucomas “secundários”), mas a vasta maioria é “primária”, ou seja, ocorre sem uma causa conhecida. Houve época em que se acreditava que a causa da maioria ou de todos os glaucomas era pressão alta dentro dos olhos (conhecida como pressão intraocular – algumas vezes abreviada como IOP = Intraocular Pressure). Entretanto, agora ficou estabelecido que mesmo pessoas sem IOP anormalmente alta podem sofrer de glaucoma. Portanto, a pressão intraocular é considerada hoje um “Fator de Risco” para o glaucoma, juntamente com outros fatores como descendência racial, história familiar, miopia alta e idade.

Algumas formas de glaucoma podem ocorrer no nascimento (congênitas) ou durante a primeira infância e a infância (“juvenil”), entretanto, na maioria dos casos, o glaucoma aparece após a quarta década de vida, e sua frequência aumenta com a idade. Nenhuma diferença na incidência de glaucoma entre homens e mulheres foi claramente estabelecida.

Os tipos mais comuns de glaucoma em adultos são o Glaucoma Primário de Ângulo Aberto (POAG – Primary Open Angle Glaucoma) – forma mais frequentemente encontrada em pacientes de descendência ariana e africana – e o Glaucoma de Ângulo Fechado (ACG = Angle-Closure Glaucoma), mais comum em pacientes de descendência asiática. O Glaucoma de Ângulo Fechado é muitas vezes crônico, como o POAG, mas às vezes pode ser agudo, em cujo caso geralmente se apresenta como uma doença ocular muito dolorosa que leva à rápida perda da visão.

Ainda não há cura para o glaucoma, e a perda da visão é irreversível. Entretanto, medicamentos ou cirurgia (tradicional ou a laser) podem estacionar ou desacelerar a perda da visão. Portanto, a detecção prematura é essencial para restringir a deficiência visual e prevenir seu progresso na direção de deficiências visuais graves ou cegueira. Seu oculista pode detectar o glaucoma em seus estágios iniciais e aconselhá-lo sobre a melhor maneira de agir.

Porque Semana Mundial do Glaucoma?

Desde a sua criação em 2008, O Dia Mundial do Glaucoma tem sido um enorme sucesso, alcançando o objetivo de divulgar informações sobre a doença, segunda causa de cegueira em todo o mundo. No entanto, em muitos países a promoção do Dia Mundial do Glaucoma num final de semana reduzia seu impacto e o potencial para um maior envolvimento da comunidade. Para acomodar as necessidades de todos e maximizar os esforços de conscientização global e local a World Glaucoma Association (WGA) e a World Glaucoma Parents Association ( WGPA) decidiram estender o Dia Mundial do Glaucoma para uma “Semana Mundial do Glaucoma”. Esta semana incluirá sempre o dia 12 de março (o antigo Dia Mundial do Glaucoma), mas agora há oportunidade de programar atividades que não podem cair nesse dia. 

Um vídeo especial

Durante a Semana Mundial do Glaucoma, como cortesia do Sr. Luiz Severiano Ribeiro, será veiculado nas várias salas de cinema da rede Luiz Severiano Ribeiro, antes de cada sessão, o vídeo sobre glaucoma de autoria do prof. Remo Susanna Jr., patrono da ABRAG-Rio, recentemente exibido em congressos em Singapura, Londres, Paris e Boston (EUA).

Vídeo produzido pelo prof. Remo Susanna Jr., presidente da Sociedade Pan-Americana de Glaucoma, ex-presidente da Associação Mundial de Glaucoma , patrono da Abrag-RJ.


Veja abaixo o vídeo:

 
IDENTIFICAÇÃO
Para acessar a área do médico, identifique-se informando os campos solicitados abaixo:
 
Revista Brasileira de Oftalmologia
Submissão de artigos para Revista Brasileira de Oftalmologia
Acesse:   
 
 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
19
ABR
JBO 176 já está disponível para baixar em pdf no link JBO
19
ABR
1º CLORE - Curso de Córnea, Lentes de Contato, Ortoceratologia e Refratometria, no auditório da SBO, de 28 de junho a 1º de julho. Confira programação científica
17
ABR
2ª Sessão Extraordinária da SBO, dia 27/04, às 20h, reúne os Serviços do Hospital Federal dos Servidores do Estado (HFSE), MP Oftalmo, Instituto Brasileiro de Assistência e Pesquisa (IBAP) e Hospital Central da Aeronáutica (HCA)
11
ABR
IBAP Oftalmologia promove Curso de Lentes de Contato - Teórico/Prático Professor Cléber Godinho, nos dias 28 e 29 de abril
05
ABR
Vende-se clínica oftalmológica, toda equipada e com vários convênios. São 3 unidades na cidade do Rio de Janeiro: Barra da Tijuca, Madureira e Bangu. Veja mais na área do médico em Banco de Oportunidades
03
ABR
Simpósio Internacional de Oncologia Ocular , Tumores Intraoculares e Anexos, dia 29/4, no Hotel Mercure BH Lourdes, Belo Horizonte, com participação de Bita Esmaeli (EUA), Dan S.Gombos (EUA) e Geoffrey Rose (Inglaterra)
29
MAR
SBO orienta como agir para denunciar prática ilegal da oftalmologia. Leia mais na área do médico, no link Exercício Profissional
10
FEV
40º Simpósio Internacional de Oftalmologia do IPEPO traz dados inéditos do Zika vírus no Brasil e nos Estados Unidos
26
JAN
CFM orienta CRMs sobre o uso de nome social por médicos transgêneros em documentos administrativos. Saiba mais na área do médico, no link Fique Atento
14
OUT
Veja no Calendário a agenda de eventos oftalmológicos até outubro de 2018 e programe-se com antecedência
 
 Rua São Salvador, 107 - Laranjeiras - RJ - Cep: 22.231-170    Tel.: +55 (21) 3235-9220 | Fax.: +55 (21) 2205-2240    E-mail: sbo@sboportal.org.br