A Sociedade    |    Palavra do Presidente    |    Oftalmologistas Sócios    |    Sociedades Filiadas    |    Leis e Normas    |    Glossário    |    Recomendações
Imprensa

Sociedade Brasileira de Oftalmologia e Lions Clube
do Rio de Janeiro promovem, com apoio da SuperVia,
Campanha de Detecção e Prevenção do Glaucoma
dia 6 de março, na Central do Brasil

Glaucoma: principal causa de cegueira irreversível no Brasil e no mundo. Em 2010, 8,4 milhões de pessoas ficarão cegos no mundo devido ao glaucoma

Com o objetivo de conscientizar a população sobre os riscos do glaucoma, doença que pode levar à cegueira irreversível, a Sociedade Brasileira de Oftalmologia e o Lions Clube do Rio de Janeiro, com o apoio da Associação Brasileira dos Amigos, Familiares e Portadores de Glaucoma (Abrag-RJ) e da SuperVia, promovem no próximo dia 6 de março- Dia Mundial do Glaucoma, das 8 às 16 horas, na Central do Brasil, Campanha de Detecção e Prevenção do Glaucoma.

Na ocasião, será feita a medida da pressão intraocular, o principal fator de risco, indicativo da presença da doença, embora existam casos de pessoas com pressão intraocular dentro dos parâmetros normais portadoras da doença. Mas, conforme enfatiza o presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia, Mário Motta, o glaucoma não é uma enfermidade simples, e sim um grupo de doenças que causam lesão progressiva do nervo óptico.

Segundo o presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia, os principais fatores de risco são: histórico familiar, pressão intraocular elevada, idade acima de 50 anos, diabetes mellitus, uso prolongado de corticóides, presença de lesões oculares e descendência negra.

-O glaucoma é uma doença progressiva e silenciosa que causa a perda irreversível da visão (principal causa de cegueira irreversível no mundo), caso não seja detectada precocemente, explica o presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia, Dr. Mário Motta, ao ressaltar que até este ano calcula-se que ela já terá afetado mais de 60 milhões de pessoas em todo o mundo.

- Segundo o World Glaucoma Association e o World Glaucoma Patient Association, acrescenta Mário Motta, calcula-se que esse número é muito maior, uma vez que 50% dos portadores ignoram a doença. A estimativa é de que 8,4 milhões de pessoas no mundo ficarão cegos em 2010 em consequência do glaucoma.

Embora não existam estatísticas oficiais, no Brasil estima-se que o glaucoma atinge 4 milhões de pessoas. Dados extraoficiais indicam a existência de 985 mil portadores de glaucoma no país. Número esse que está longe da realidade, de acordo com os especialistas, uma vez que, além dos mais de 50% que desconhecem a doença também no Brasil, existem os incalculáveis casos de pessoas sem acesso a um atendimento médico.

Prevenção, o melhor remédio
-A melhor maneira de evitar que o glaucoma chegue de surpresa e se instale sem solução é conhecer os fatores de risco e consultar anualmente o oftalmologista, orienta o presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia.

Com campanhas como a do próximo dia 6 e março, a Sociedade e o Lions Clube do Rio de Janeiro, parceiro da entidade em diversas campanhas do gênero, quer chamar a atenção das autoridades e formadores de opinião sobre a dimensão do problema, que deve se acentuar com o envelhecimento da população brasileira. A prevalência do glaucoma aumenta com a idade. Segundo a Organização Mundial da Saúde, ela está entre 1% e 2% na população de forma geral, atingindo a 6% e 7% após os 70 anos de idade.

Embora já existam centros de referência em glaucoma e o governo distribua medicamentos e custeie cirurgias, é necessária uma conscientização total dos órgãos de saúde pública do país. O tratamento clínico inicial, feito com colírios, é dispendioso, o que leva muitos a desistirem.

Informações para a imprensa:
Sociedade Brasileira de Oftalmologia
Eleonora Monteiro-assessora de imprensa
Telefone: (21) 3235-9220 Ramal 29
Celular: (21) 9918-3245

 Rua São Salvador, 107 - Laranjeiras - RJ - Cep: 22.231-170    Tel.: +55 (21) 3235-9220     E-mail: sbo@sboportal.org.br   E-mail Imprensa: midia@sboportal.org.br