A Sociedade    |    Palavra do Presidente    |    Oftalmologistas Sócios    |    Sociedades Filiadas    |    Leis e Normas    |    Glossário    |    Recomendações
PALAVRA DO PRESIDENTE
 
Médico Oftalmologista, um profissional único: 85% da relação do indivíduo com o meio ambiente se dá através da visão
 

No dia 7 de maio comemora-se o Dia do Oftalmologista, profissional responsável pelo estudo, cuidado e prevenção de doenças ligadas aos olhos.

A Oftalmologia, a ciência do olho, foi um dos primeiros ramos da Medicina a ser reconhecido como especialidade. Hoje, a especialidade Oftalmologia, compreende cerca de 16 subespecialidades, tamanha a complexidade do olho humano!

Praticamente 85% da nossa relação com o mundo se dá através da visão. Portanto não é de estranhar que desde a Antiguidade o ser humano buscasse tratamentos para os olhos, chegando a lhes atribuir poderes mágicos.

Remonta à antiga Babilônia o registro mais antigo de método para a remoção da catarata. Conhecemos também relatos de práticas oftalmológicas entre os egípcios, assim como sabemos de procedimentos oftalmológicos na Índia, em torno do ano 2500 a.C. Mas a prática clínica começou mesmo com os antigos gregos. Hipócrates, considerado o pai da Medicina, e seus discípulos estudaram algumas doenças oculares.

A profissão de Oftalmologista, entretanto, surge em 1850, quando o médico e físico alemão Hermann Ferdinand Ludwig von Helmholtz apresentou o oftalmoscópio à comunidade científica. O aparelho, que permite examinar o interior do globo ocular, revolucionou a Oftalmologia, sendo fundamental para o avanço da especialidade.

A partir dessa data os avanços científicos vieram praticamente em cascata, culminando com as descobertas dos últimos 25 anos seja no ramo de equipamentos, quanto no farmacêutico.

Esses avanços, poderosas ferramentas para o diagnóstico, tratamento e cura dos problemas oculares, exigem cada dia mais oftalmologistas preparados não só para melhorar a relação médico-paciente, como também para lidar com os novos equipamentos.

Médico Oftalmologista, o único profissional que por lei pode diagnosticar e tratar doenças oculares, prescrever e adaptar lentes, tem que ter o curso superior de Medicina, com duração de 6 anos, além de 3 anos de especialização em Oftalmologia. Caso opte por uma subespecialidade (fellow em córnea, retina, glaucoma, estrabismo, entre outras) são necessários mais 2 anos de estudo ou de prática específica na área.

Fundada em 6 de setembro de 1922, a Sociedade Brasileira de Oftalmologia, a quarta nas Américas, e a primeira no Brasil, foi criada para o aprimoramento dos médicos oftalmologistas brasileiros, hoje cerca de 16 mil. Ao longo desses 96 anos tem contribuído para que a Oftalmologia Brasileira seja considerada uma das cinco melhores do mundo.

Armando Crema
Presidente da Sociedade Brasileira de Oftalmologia
Biênio 2017-2018

 

Palavra dos presidentes anteriores:
 Rua São Salvador, 107 - Laranjeiras - RJ - Cep: 22.231-170    Tel.: +55 (21) 3235-9220 | Fax.: +55 (21) 2205-2240    E-mail: sbo@sboportal.org.br   E-mail Imprensa: midia@sboportal.org.br